Sueka-77

Sueka: vestir sem medo de ser feliz!

Por Nádia Mello

Conheci a Sueka pelo site Slow Down Fashion e, ao entrar no site da marca, fiquei encantada. Do discurso a ser aceitar como é, vestir da forma como preferir a sustentabilidade, no gender e ser parte de uma família. E tudo isso traduzido em produtos lindos. 

Conversei por skype com a Tainá Gross, uma das sócias – o outro sócio é o Rodrigo Kronbauer -, para saber um pouquinho mais desse universo da Sueka e como ser um outsider, sendo parte de uma família e do universo. 

IMG_0705 (1)Como surgiu a Sueka?

Ela surgiu a partir da nossa vontade de ter uma marca que trouxesse algo significativo para o mundo, sabe, com propósito. O Rodrigo (sócio da Tainá) já trabalhava com camisas, no interior, então tínhamos em comum o trabalho com roupas, o que possibilitou a união de nós dois. Nós conversamos bastante sobre como seria a marca, durante um ano foi só planejamento. E, em novembro de 2015, abrimos.

Por que uma marca de sustentabilidade? Quando este tema passou a fazer parte da proposta da marca?

Desde o início. Acredito que está em nosso DNA. Particularmente, para mim, se tornou essência na Pós que fiz, em Branding, embora, na época da faculdade já pipocava umas ideias para este lado. Com a Pós, em que precisei pensar na marca, dois pilares se tornaram muito importantes: o sustentável e no gender. 

Assim, definimos que seria importante pensar na forma de produção e veio a ideia do reaproveitamento, do tingimento e, para o caso de comprar tecido, é 100% algodão orgânico. Com o tempo, também vimos muitas sobras, mesmo adotando tal medida, e fizemos uma parceria com a Vintax que doamos “nossos restos” de tecido. 

Sueka-33Como é a forma de trabalho de vocês?

É bem orgânica. Acho que no slow é assim, tudo é mais orgânico. Para todas as decisões, sentamos e conversamos. Na hora de pensar a coleção, deixamos a criatividade fluir. Nossa maior inspiração é a natureza e, algumas vezes, passamos um dia cercados por ela para nos inspirar. Eu faço a modelagem e o Rodrigo desenha e cria as estampas. Temos uma equipe de produção que é toda apresentada em nosso site

Quanto tempo demora a produção?

Depende o tipo de trabalho, na maioria dos casos, uns 30 dias para a peça ficar pronta. 

Sueka-46O que vocês querem com a Sueka?

Propagar uma mensagem positiva. A forma como nos vestimos é uma mensagem e queremos deixar algumas, como: somos uma família, parte do universo, repensar nossa forma de consumo e valores. Temos como nosso papel ensinar sobre os produtos duráveis, bons e maneira justa de produção e consumo. E são todas essas mensagens que fazem parte da Sueka e queremos propagar.

Sueka-131Quais as maiores dificuldades?

Nossa baixa escala de produção seria a primeira. Porque estamos indo contra a maré, concorrendo com o fast fashion que é exatamente o nosso oposto de produção e pensar o mundo, o negócio, a marca. Vai levar um tempo ainda para o consumidor entender e perceber a importância do consumo consciente. E nós precisamos estar junto a estes clientes, informando-os, enquanto isso, pensando em estratégias para o nosso fluxo de caixa. 

IMG_0748Quais os planos para a Sueka?

(Na época da entrevista, o Rodrigo estava no Rio para fechar parceria com a Ahlma e ser residente da Malha).

Nossa ideia principal é estar no lugar que todo mundo que estar e a Malha e essa parceira com a Ahlma é um desses planos. Queremos expandir; estar presente em mais cidades e também exportar, possivelmente, vai rolar para Alemanha. Além disso, mais colaboração e parceria. 

Nenhum comentário

Faça um comentário